sábado, 20 de dezembro de 2014

Paneleirices

Há coisas difíceis de perceber. Mesmo! Eu que até nem sou de me chocar com nada, aprecio tudo o que saia da caixa, tenho sérias dificuldades em adaptar-me a algumas ideias estranhas que vão aparecendo por aí. Acho que no fundo nem se trata de adaptação ou não, é talvez falta de necessidade para o que anda a saltitar por aí, só porque é Natal.
Por exemplo, ontem li esta notícia:

"Aproveitando a época das festividades, que tal transformar o seu cocó em algo com mais brilho? Acredita, é para isso que existe a “GlitterPills“. A marca tem um “menu” com 30 tipos de pílulas preenchidas com diferentes cores que vão desde o preto elegante ao dourado, passando por rosa e azul. No entanto, a loja online que vende os produtos alerta para o consumo das pílulas, que são destinadas apenas para fins de decoração, ideal para quem quer presentear os seus amigos com algo inusitado."


Cocó que brilha, portanto. Que lindo. Como se a merda deixasse de ser merda, porque lhe injectam uma espécie de glamour. A sério que há pessoas que ponderam gastar dinheiro nisto?
Se a moda pega, pensem que cada vez que os gases apertam, há uma espécie de brisa de purpurinas a sair (estou a tentar fantasiar a coisa e adornar com palavras bonitas) pelo rabo.
Ou então, podiam pensar em reestruturar todo o conceito da Color Run: sem tintas, só bufinhas coloridas.
Isto na minha terra não se chama glamour, chamam-se de
P-A-N-E-L-E-I-R-I-C-E-S.

Como hoje de manhã por exemplo: vi um croissant a ser servido de faca e garfo.
Fiquei durante longos segundos a apreciar a cena e a pensar "Houve algum UpGrade de boas maneiras ou sou mesmo eu que sou labrega?!"
Bom senso, haja bom senso. E esse sim, até pode ser servido com toda a etiqueta!

16 comentários:

  1. Esquece lá isso. Bom, vendo bem, não esqueças, regista.
    Beijinho com votos de um Feliz Natal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Registado e bem registado!
      Beijinho e Boas Festas ;)

      Eliminar
  2. Deixa-te de merdas, e come umas garfadas de croissant!!!
    😵 bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ou seja, não compro as pílulas coloridas e dedico-me à arte de comer!!! E porque não? ;) Ahaha

      Eliminar
  3. Gosto principalmente do facto de leres sobre essas merdas e vires-te queixar de que te ofendem... :) Já agora "paneleirices" significa "Acto, dito ou comportamento de homossexual masculino." in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. Não me parece que a injestão dessas pílulas seja uma coisa meramente "paneleira" mas deixo os preconceitos para quem os pratica.
    Quanto à faca e garfo, mais uma vez o extremismo... ora havemos de ser "Castelos Brancos" ou "labregos". Se dissecares o tema os talheres foram inventados para comer, categoria ocupada pelo pobre croissant. Existe algo que tenha institucionalizado que a pastelaria tem de ser comida à mão mas as refeicões ditas "de prato" têm de ser deglutidas com a ajuda de talheres?! :)
    Bom senso é viver a vida e deixar que os outros tirem partido dela da maneira que mais gostam sem sensuras. ;)
    Beijinhos e prometo que venho cá mais vezes!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querido/a anónimo/a, como eu adoro estes testemunhos!!!
      Vamos por partes: em nenhuma altura me ofendi com o que li. Achei inédito e este blogue, não-temático, é para este tipo de partilhas, seja do que for. Escrevi " falta de necessidade para o que anda a saltitar por aí, só porque é Natal" mostrando que apenas me parece desnecessário perderem tempo com invenções que em nada melhoram a qualidade de vida das pessoas, ao invés de inventarem outro tipo de soluções.
      O facto de usar a palavra Paneleirices, cujo vocabulário retirei do "calão" usado na minha terra para tudo o que seja exagerado, não é de todo com sentido preconceituoso e quem me conhece sabe disso. Mas muito obrigada pelo esclarecimento tão pedagógico!
      Talvez da próxima vez encontre um adjectivo melhor para classificar "ideias intestinais brilhantes".
      Quanto ao tema dos talheres, o facto de falar em "Castelos Brancos" não abre logo aí um pormenor preconceituoso? Porquê essa referência tão específica?
      Claro que concordo com o facto dos talheres servirem para comer e se o croissant é comida...pode tambem ser comido assim. Ou até enquanto fazemos o pino. Ou com pauzinhos chineses. Porque não?
      Agora...posso ficar admirada, creio eu.
      Volte aqui ao blogue sim, será um prazer! E venha com mais calma, que nós aqui na Sala gostamos de paz e amor :)

      Eliminar
  4. Põe paneleirices nisso!
    Eu adoro croissants, mas gosto de os comer normalmente e sem garfos!
    Beijinhos, amiga

    ResponderEliminar
  5. Parece um post escrito por um homem :)

    parece que não, mas foi um elogio... :P

    Beijinhos***********

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, eu sei :) Vocês homens têm uma visão muito prática das coisas e eu acho que tenho isso em comum.
      Por exemplo, ao contrário de maior parte do mundo feminino, não tenho paciência para compras ou shoppings, não me entendo com saltos altos e acho o pijama a melhor toilette de sempre!!!

      Eliminar
  6. Filhota, continua a escrever o que sentes e o que és. Mesmo sendo do Norte Centro ou Sul, tens um nome e uma cara, que eu adoro!...o resto são paneleirices!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh láaaaa pai, isso foi mesmo com vontade ;)
      Obrigada, eu sei disso tudo! Beijinhos e estou quaseeeeee aí!

      Eliminar
  7. Estou abesbílica. :O
    E sim, são paneleirices, seja em que terra for.
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Frescuras minha cara,frescuras!!! ;) beijinho**

      Eliminar
  8. De facto não há outra palavra para deacrever estas paneleirices lol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podes crer!!! É que não há descrição melhor ;)
      beijinhos***

      Eliminar